Lídia (Verinha) com seus dois amores na novela: Hélio (Reginaldo Faria) e Beto (Lauro Corona). Foto gentilmente enviada pelo Alperi Martins.

O colunista Ancelmo Gois, do jornal “O Globo”, divulgou, nesta semana, que a Globo tem a intenção de fazer o remake de “Dancin’ Days”. A história de Gilberto Braga, que teve Lídia Brondi no elenco original, seria a novela das onze em 2013.

Os rumores de um remake de “Dancin’ Days” iniciaram no final dos anos 90. Em 1997, Lídia Brondi chegou a declarar que voltaria a trabalhar como atriz, caso o projeto fosse mesmo concretizado, no papel de Carminha, personagem vivido por Pepita Rodrigues.

Malu Mader, que, em 1997, faria o papel da protagonista Júlia Matos, está cotada para fazer a vilã Yolanda Pratini no remake de 2013. O mesmo papel havia sido oferecido para Gloria Pires em 97.

Hoje, atuando como psicóloga, acredito que Lídia Brondi não voltaria. Mas, diante da disposição que ela teve um dia em nome do carinho com “Dancin’ Days”, fica uma pequena esperança. Quem sabe?

“Dancin’ Days” foi lançada em DVD e estava cotada para ser reprisada no Canal Viva. O remake minaria as chances de uma reprise no canal a cabo. Além disso, recontar a novela só seria interessante se a trama fosse ambientada nos anos 70, para justificar o sucesso das discotecas.

Lídia Brondi e Lauro Corona nos embalos de “Dancin’ Days” (1978).

Abaixo, confira uma matéria publicada em julho de 1978, falando de “Dancin’ Days”, novela que iria ao ar naquele mês, substituindo “O Astro” (outra novela apresentada como remake no horário das onze).

Na matéria abaixo, publicada no blog “Revista Amiga e Novelas“, do Césio Vital Gaudereto, Lídia fala sobre o fim de suas férias. Depois de “Espelho Mágico” e de um “Caso Especial”, a atriz, que morava em Copacabana, curtia dias livres para namorar e pegar sol, até ser chamada para viver a jovem Vera Lúcia. Clique na imagem abaixo para ampliar:

Anúncios