Nos final dos anos 70, mesmo já sendo reconhecida como uma atriz de sucesso, Lídia Brondi ainda lutava contra o rótulo de ninfeta mais desejada do país. O título lhe rendia vários convites para aparecer nua nos cinemas ou nas revistas. Mas ela sempre recusava qualquer proposta do tipo, justamente para consolidar sua carreira com o seu talento.

Conforme a nota abaixo, publicada na revista “Ilusão”, de 1º de dezembro de 1978, quando fazia “Dancin’ Days”, Lídia mantinha-se firme em sua decisão de não posar nua.

A atriz só iria aparecer nua em uma revista nove anos depois, aos 27 anos, em 1987, na edição de aniversário da “Playboy”, quando seu talento já estava mais que comprovado e seu nome figurava, há tempos, entre as principais atrizes do país.

A nota e a foto que abre o post foram gentilmente enviadas pelo Alperi Martins.

Anúncios