Lídia Brondi viveu fortes aventuras na pela da repórter Bárbara Diniz, na novela “Corpo Santo” (Manchete, 1987). Na trama escrita por José Louzeiro, Bárbara batalhava para denunciar e acabar com o “Esquadrão da Morte”.

Em determinado momento, a jornalista presencia policiais assassinando bandidos e promete publicar tudo o que viu. A partir disso, ela passa a correr sérios riscos.

Essas emoções de “Corpo Santo” foram parar na capa da revista “Amiga – TV Tudo”. A manchete sensacionalista usava o nome da atriz e de Reginaldo Faria para causar impacto nas bancas: “Lídia Brondi e Reginaldo Faria ameaçados de morte”.

Nas páginas internas, acompanhando o resumo dos capítulos vinha a frase “Policiais corruptos ameaçam matar Lídia Brondi”.

Enquanto a novela não é reprisada pelo SBT (como foi noticiado em 2010), nos resta conferir um resumo das aventuras de Bárbara Diniz, imaginando o competente desempenho de Lídia Brondi nessas cenas.

Clique abaixo para ampliar. O material foi gentilmente enviado pelo Alperi Martins.

Anúncios