A novela era “O Homem Proibido”, de Teixeira Filho, baseada na obra de Nelson Rodrigues. Em meio ao universo polêmico da trama exibida em 1982, às 18h, quem roubava a cena era Lídia Brondi, no papel da vilã Joyce.

Um dos momentos mais marcantes da novela foi a fase em que a vilã, a primeira protagonista de Lídia na TV, fingia estar cega para conquistar o amor de Paulo (David Cardoso).

Lídia e David Cardoso em cena de "O Homem Proibido".

Apesar de não ter tido muita repercussão junto ao grande público, a novela foi muito bem defendida pelo elenco. Lídia Brondi se destacou ao interpretar a jovem neurótica.

Confira abaixo, textos publicados sobre a novela. O primeiro é uma matéria da revista “Amiga”, de 1982, com um resumo dos acontecimentos de “O Homem Proibido”. O material foi gentilmente enviado pelo Alperi Martins. Clique para ampliar:

O destaque abaixo é de uma página do livro “Guia Ilustrado da TV Globo – Novelas e Minisséries”. O material foi divulgado pelo Oscar Gouldman na comunidade de Lídia Brondi no Orkut (assim como a foto maior no início deste post). Clique para ampliar:

Anúncios